PUBLICIDADE

Quintino Aires reage ao afastamento da TVI: “Não metam a Cristina Ferreira nisto”

Quintino Aires foi afastado da TVI devido aos comentários homofóbicos no Extra do Big Brother.

PUBLICIDADE

O psicólogo já reagiu em em declarações à Flash! revela que não foi contactado pela produção do formato a informá-lo do afastamento. “Estava a trabalhar na obstetrícia no hospital, e à hora do almoço, quando saí, soube pelo Dioguinho”.

“Repare, eu fui comentar coisas ditas no domingo à noite, e só fui comentar na terça-feira à noite, de maneira que eu tive 48 horas para pensar cada palavra que queria dizer. Foi tudo tão pensado, tão refletido que aquilo que disse no programa digo outra vez, e continuo a dizê-lo”, adiantou.

“Já disse muitas vezes na comunicação social: sinto vergonha de ver aquela marcha. E tenho direito de dizer isso, estamos num país democrático, tenho direito à minha opinião. Calha de eu ser homossexual, mas mesmo que eu não fosse homossexual poderia ainda assim dizer que achava aquela marcha uma vergonha”, sublinhou, dizendo ainda que é “lamentável que se exija que as pessoas tenham todas a mesma opinião”.

“A outra coisa que eu gostava muito de dizer é que o carinho e a gentileza mútua que eu tenho com Cristina Ferreira é exatamente a mesma que tenho há 17 anos. Gostava que as pessoas não colocassem alguém que em 24 anos de televisão é a única pessoa em quem eu confio a 100%… que não a metam neste assunto”.

“Ela é a diretora da estação de televisão que me afasta, portanto é natural que algumas pessoas venham fazer alguns raciocínios: ‘Então, o que é que aconteceu aqui?’. Não tem nada a ver com isso. (…) Que me desilude a atitude da empresa onde colaborei durante 24 anos! Muitíssimo. Mas que não coloquem a Cristina Ferreira nisto”, rematou.

PUBLICIDADE
Sugestões para ti