PUBLICIDADE

Marido de Maria João Abreu partilha fotografias inéditas da atriz: “Sempre houve qualquer coisa de especial no teu olhar…”

Maria João Abreu morreu no passado dia 13 de maio e o marido, João Soares continua a partilhar textos emotivos a recordar a atriz.

PUBLICIDADE

Esta terça-feira, 15 de junho, o músico partilhou fotografias onde surge em palco com a companheira.

“Minha João, meu amor… Ontem à noite, agarrei na guitarra. E toquei. Como há muito já não o fazia… Teve que ser. Não porque a vida continua, ou porque temos que nos distrair (ou abstrair), ou porque somos o que somos,… ou porque me apetecesse… Nada disso. Porque tu gostavas que eu tocasse. Porque tu gostavas de me ver e ouvir tocar. Nunca ninguém me olhou da forma que tu o fazias. Sempre houve qualquer coisa de especial no teu olhar, e no meu tocar, que se entrelaçavam apaixonadamente. Fosse num palco grande, fosse num bar pequeno (daqueles que nos gostávamos, cheios de gente e boa disposição), quando os nossos olhos se encontravam, tudo o resto desaparecia. Tocava para ti e só para ti. E eu sei que tu sabes. Tu choravas e eu, muitas vezes, também. Pela tua emoção, que passava, nesse
momento, a ser minha também. A nossa”, escreveu.

“Irei em breve voltar a tocar. Pensei se deveria desistir de tudo, porque não sei se tenho a energia suficiente. A força necessária. Mas não… isso não posso fazer. Será uma das formas de te chegar. De te tocar. Tu dizias muitas vezes: “A música eleva-nos! Faz-nos transcender!” Pois que seja, amor meu. Ainda me vais ouvir por muito tempo. E enquanto tocar, vou imaginar os teus olhos, emotivos e emocionados. As lágrimas que deles escapavam. E que faziam cair as minhas também. E nos faziam ser um só. Os Joões. Sempre os Joões.
Amo-te. Hoje e sempre”, continuou.