PUBLICIDADE

Mãe de Gonçalo Quinaz sobre gritos para a casa: “Não chamei nomes a ninguém…”

Gonçalo Quinaz e a sua mãe Fátima estiveram esta quinta-feira no programa ‘Goucha’. O ex-concorrente e a “mulher da sua vida” recordaram a participação no Big Brother – Duplo Impacto.

PUBLICIDADE

Manuel Luís Goucha recordou a ida de Fátima gritar à casa da Ericeira.

“Ele também me transmitia cá para fora sentimentos que eu achava que não estava bem e eu também não ficava. Se ele estava mal, eu começava a ficar mal. Passei noites triste. Este foi, sem dúvida o pior de todos“, disse.

“São os nomes feios, a maldade das pessoas e isso toca-me“, acrescentou. O apresentador interrompeu e questionou a mãe do concorrente sobre os gritos para Joana. “Mas você também acho que chamou nomes feios?“.

“Não, não chamei nomes feios a ninguém“, esclareceu Fátima.

Manuel Luís Goucha interveio: “Nem à Joana?“.

“Eu não chamei nomes diretamente a ninguém. Eu simplesmente fui à Ericeira, muito a quente e hoje, à distancia, arrependo-me. Estava mesmo muito nervosa com a situação porque não gostei de uma situação que ele estava a passar lá dentro. Hoje não teria feito isso, de todo“, explicou.