PUBLICIDADE

João Soares volta a subir aos palcos após morte de Maria João Abreu: “Demore mais ou menos, tudo vai ficar bem…”

João Soares, viúvo de Maria João Abreu, recorreu ao Instagram para informar os fãs que voltou à sua vida artística depois da morte da atriz. O músico afirma que este passo é importante “sobretudo pelo peso emocional”.

PUBLICIDADE

Lê aqui o desabafo:

“A vida a acontecer.
Voltei a tocar. Voltei às actuações. Primeiro, um palco. Depois, uma Televisão. E depois, mais palcos…Tentei… teve que ser. Tinha mesmo que ser!… e consegui!
Desafios… Provas… Não pela parte musical. Mas sobretudo pelo peso emocional. Sobretudo não, exclusivamente pelo peso emocional. E tê-lo conseguido fazer, sem peso na consciência, a usufruir dos momentos, a desfrutar do prazer que tenho quando toco, quando faço a música chegar a outros e tocar-lhes as emoções, deu-me a certeza que tudo vai ficar bem. Sim, vai ficar tudo bem. Demore mais ou menos, tudo vai ficar bem. A João estará sempre presente, num plano diferente, lá em cima, a olhar por mim e por todos aqueles que ela ama. A olhar para mim, a ouvir e a aplaudir como sempre o fez. A apoiar. A cuidar de nós e a certificar-se que tudo corre bem.

A minha João seguiu o caminho dela. E nós, agora, até ao dia em que lhe seguirmos as pegadas, temos que seguir o nosso, tal como ela o quereria. Devemos-lhe isso.

E devemos querer ser felizes. De tentar. E voltar a tentar, se porventura falharmos. Até conseguirmos. É o que ela quereria. É o que ela faria. E nos obrigaria a fazer também. Até que o conseguíssemos. É o que eu estou a fazer. É o que vou continuar a fazer. Sempre.

Porque a vida vai acontecer. A todos nós. A mim também. E que é à vida que nos devemos agarrar. Com força. Com muita, muita força. Porque isto é muito rápido. Demasiado para se desperdiçar, segundos ou minutos que sejam. Foi esse o ensinamento maior que a minha João deixou. Não só a mim. A todos nós. A todos.

Amem-se.
Vivam o agora em pleno.
E amanhã logo se vê”.