Gonçalo Quinaz defende Francisco Menezes: “Já não se pode brincar…Eu achei piada”

Francisco Menezes tem sido alvo de uma grande polémica depois de ter feito uma piada sobre o caso Rúben Semedo e a alegada vítima de violação, uma jovem de 17 anos.

PUBLICIDADE

O humorista partilhou uma fotografia da alegada vítima de violação e na descrição atirou: “Rúben, seu bandido”.

Várias figuras públicas se mostraram indignadas, considerando o comentário machista. Agora, Gonçalo Quinaz saiu em sua defesa.

No ‘Manhã CM’, da CMTV, Quinaz defendeu Francisco Menezes, e confessou ter achado piada à brincadeira. “Ele foi crucificado, ele estava a gozar, foi uma brincadeira… e a foto corresponde à pessoa em questão”, atirou.

“O que acho engraçado é que hoje em dia é moda criticar só para parecer bem. Mas em grupos no whatspp essas pessoas também gozam com a situação, brincam com a situação, já não se pode brincar”, prosseguiu. 

“Eu achei piada, brincou com um momento sério, hoje em dia não se pode brincar com nada”, afirmou.

PUBLICIDADE
  Sugestões para ti