PUBLICIDADE

Cláudio Ramos fala sobre acidente de mota “Eu estive quase a morrer…”

Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz receberam esta quarta-feira no ‘Dois às 10’ Margarida Salgado, mulher apaixonada por motas e a primeira a ter um programa sobre o tema em televisão.

PUBLICIDADE

O apresentador acabou por partilhar que já teve um acidente e que, por isso, nunca mais andou de mota.

“Uma vez fui a uma senhora taróloga, muito conhecida por sinal, que me disse: ‘Cláudio, você nunca ande de mota’. Eu tive um acidente de mota há muito tempo, eu estava a brincar às touradas e fui atropelado por uma mota. Tenho aqui uma cicatriz na testa“, contou.

“Não é a brincar… eu estive quase a morrer. Depois comprei uma acelera, ia numa subida, aquilo tinha o tubo de escape entupido, não andava, passou um camião por mim, agarrei-me assim de lado ao camião para subir a ladeirinha. Pior é que na descida o camião vai por ali fora e eu caputo, lixo-me aqui. E a senhora disse ‘nunca mais ande de mota’. Nunca mais andei de mota, tenho medo“.

PUBLICIDADE
Sugestões para ti