PUBLICIDADE

Casos de assédio sexual. SIC e TVI reagem à polémica

Sofia Arruda deu o mote, ao revelar ter sido vítima de assédio sexual, enquanto gravava uma novela. A atriz contou que foi depois afastada do canal onde trabalhava. Outros relatos vêm agora a público e a polémica está instalada.

PUBLICIDADE

A TV7Dias pediu uma reação às duas estações televisivas, a SIC e a TVI, que marcaram uma posição.

“A TVI/Media Capital condena veementemente e não tolera nenhum comportamento abusivo. O Grupo tem como princípio investigar qualquer tipo de queixa, independentemente da sua natureza e não a comentar publicamente. Um dos valores do grupo é a intolerância ao assédio e o seu combate um dos princípios de conduta. Neste plano de ação está presente a criação de um comité de executivos seniores para analisar quaisquer queixas denunciadas. Caso o comité descubra alguma violação ao código, a empresa compromete-se imediatamente a agir“, explica a TVI.

“A SIC condena qualquer caso dessa natureza, preservando princípios que protegem os colaboradores e permitem investigar qualquer queixa que seja feita. O grupo onde a SIC se insere tem procedimentos para a apresentação formal de uma qualquer queixa“, pode ler-se.