PUBLICIDADE

10 anos após morte, mãe de Angélico Vieira admite: “O tempo passa e a dor permanece…”

Angélico Vieira morreu há 10 anos. O ator e músico foi vítima de um acidente na madrugada do dia 25 de junho de 2011, na A1. Ainda esteve internado em coma mas acabou por ficar em morte cerebral e não resistir.

PUBLICIDADE

Filomena Vieira, mãe do artista, continua a sofrer. “O tempo passa e a dor permanece. Só tenho de agradecer a todos os que mantêm presente o meu grandioso filho”, disse, em declarações ao Correio da Manhã.

A mãe de Angélico Vieira admitiu ainda ser “uma ferida incurável”.